Você está aqui: Página Inicial / Serviços / Notícias / CFA / Dia do Profissional de Administração

CFA

Dia do Profissional de Administração

Comments
por imprensa 09/09/2013 16h36
Câmara dos Deputados faz homenagem aos profissionais de Administração

 

Na manhã de hoje, 9 de setembro, os profissionais de Administração receberam uma homenagem na Câmara dos Deputados. A Sessão Solene faz parte das comemorações dos 48 anos da regulamentação da profissão. O evento foi proposto pelos Deputados Federais Izalci Lucas (PSDB-DF), Carlos Alberto (PMN-RJ) e Sandro Mabel (PMDB-GO). A Sessão foi presidida pelo Deputado Federal Mauro Benevides (PMDB-CE) que, na ocasião, representou o presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). Ao abrir o evento, ele ressaltou o orgulho que tem em ser Administrador e parabenizou todos profissionais de Administração.

Já Izalci Lucas afirmou que o problema do Brasil é de gestão. Ele citou alguns programas do Governo Federal e enfatizou: “Precisamos de mais Administradores cuidando deste país.”. Além disso, o Deputado defendeu a inclusão do curso de Administração no programa “Ciência sem Fronteira”.

Em seguida, o Deputado Carlos Alberto iniciou seu pronunciamento demonstrando seu profundo orgulho em ser Administrador. Entretanto, ele falou que a categoria ainda não está presente, em plenitude, nos diversos segmentos empresariais, inclusive na administração pública. “Essas áreas precisam dessa mão de obra especifica e que, por várias razões, que aqui não cabe enumerar, relegam a segundo plano a nossa profissão, contratando profissionais de várias outras profissões, como se fossemos de segunda classe”, questionou o parlamentar.

Outro ponto destacado por Carlos Alberto é o excesso de leis que o Brasil possui, sendo que muitas delas não têm eficácia. Para ele, isso acontece porque faltam políticas públicas eficazes. “Sem corporativismo, entendo que a Ciência da Administração e os Administradores constituem-se nos instrumentos de viabilização das políticas públicas que podem solucionar os problemas brasileiros”, disse.

Profissão forte – “Estamos aqui para mostrarmos nossa força”, bradou o presidente do Conselho Regional de Administração do Distrito Federal (CRA-DF), Adm. Carlos Alberto Ferreira Júnior. Em seu breve, porém marcante pronunciamento, ele foi enfático: “que me desculpem as outras profissões, mas quem pode fazer a coisa acontecer neste país é o Administrador”, defendeu.

O presidente do Conselho Federal de Administração (CFA), Adm. Sebastião Luiz de Mello, citou os projetos que a autarquia vem realizando para promover a valorização profissional e também ressaltou a importância do Administrador para o país. “Nós somos, sem falsa modéstia, profissionais estrategicamente necessários ao desenvolvimento brasileiro, pois atuamos em várias etapas da cadeia produtiva e em todos os níveis organizacionais e a nossa participação é decisiva para a construção de novos modelos de gestão no país”, falou.

Casa lotada – A Sessão Solene na Câmara dos Deputados contou com a presença de Deputados Federais, Conselheiros Federais, Diretoria Executiva do CFA, Presidentes de CRAs e Conselheiros Regionais. Além disso, mais de 250 alunos das faculdades Projeção, Fortium, UPIS, IESB, Facitec e da Universidade Católica de Brasília (UCB), acompanhados de professores e coordenadores de cursos de Administração, lotaram o Plenário Ulysses Guimarães.

“Nunca vi, em uma segunda-feira, esta Casa tão cheia, cheia de esperança. Essa é uma área muito importante para o país, em todos os segmentos. Viva a Administração!”, parabenizou o Deputado Federal, Francisco Escórcio (PMDB-MA).

Lançamento de livro – Após a Sessão Solene, o CFA promoveu o lançamento do livro “Plano Brasil de Infraestrutura e Logística – Uma abordagem Sistêmica”. O evento no Salão Verde da Câmara dos Deputados, em Brasília.

A obra é fruto do projeto Plano Brasil de Infraestrutura e Logística (PBLog), criado pelo CFA. Para o presidente do CFA o PBLog é um estudo macro que analisado conjuntamente com os estudos regionais, disponibiliza aos governos, empresários, universidades e outros segmentos sociais, informações que auxiliem o planejamento, a organização, a direção e o controle de projetos no tocante a mobilidade de produtos, dando ao Brasil maior competitividade com impacto positivo no posicionamento de liderança Brasileiro no cenário mundial.

“Nossa intenção é que o livro seja um instrumento de apoio a decisão, bem como de empoderamento humano para a concepção de um novo sistema logístico do país, que trará o desenvolvimento que tanto almejamos”, disse Sebastião Mello.

Confira as fotos em fotos.cfa.org.br .

 

Ana Graciele Gonçalves
Assessoria de Imprensa CFA