Você está aqui: Página Inicial / Serviços / Notícias / [CFA] / [ CFA] Última manhã do Conamerco aborda políticas públicas

CFA

[ CFA] Última manhã do Conamerco aborda políticas públicas

Comments
por imprensa 20/05/2016 19h51
Com a presença de administradores e parlamentares de três países, evento faz um apanhado do cenário socioeconômico na América-latina

Em seu último dia, o Congresso de Administração do Mercosul (Conamerco) abordou questões reflexivas durante a manhã. A conferência “Sustentabilidade e riscos globais” e o painel “Gestão pública nos países do Mercosul” foram responsáveis por uma análise dos cenários político, econômico e ambiental, no Brasil e nos demais países pertencentes ao bloco sul-americano.

O professor e pesquisador José Baltazar subiu ao palco para falar de sustentabilidade, antes das 9h. Logo de início, reproduziu um rápido vídeo que chamava atenção à degradação ambiental pela exploração irresponsável do homem. Deixou claro, em seu discurso, a necessidade de preservação das riquezas naturais: “o meio ambiente não precisa de nós. Nós é que precisamos dele”, declarou Baltazar.

José Baltazar ainda abordou os principais riscos globais. Em sua análise, elencou os maiores perigos às economias e sociedades: conflitos de estatais; desemprego; catástrofes naturais; incapacidade de adaptação às mudanças climáticas; crise hídrica; e ataques cibernéticos.

Após um breve intervalo, foi a vez do painel “Gestão pública nos países do Mercosul”. Subiram ao palco o senador Adm. Paulo Bauer (PSDB-SC), o parlamentar paraguaio Fulvio Celauro e a administradora argentina Nancy Rosa Chavez. A apresentação foi mediada pelo presidente do Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul (CRA-RS), Adm. Valter Lemos.

Paulo Bauer foi o primeiro a falar e concentrou-se na crise politica e econômica vivenciada pelo Brasil. De acordo com o parlamentar, a crise pode ser uma boa oportunidade para grandes mudanças nas práticas de gestão no país. Seu colega paraguaio também apresentou alternativas de gestão pública aplicáveis ao desenvolvimento social e econômico.

Finalizando as apresentações da manhã, Nancy Rosa abordou desafios enfrentados pelos profissionais de administração e ciências econômicas, recém-egressos das universidades, para atuar no setor público.

 

Assessoria de Comunicação CFA