Você está aqui: Página Inicial / Serviços / Notícias / [CFA] / [ CRA-PR ] Fiscalização do CRA-PR obtém retificação de editais de tomadas de preços

CFA

[ CRA-PR ] Fiscalização do CRA-PR obtém retificação de editais de tomadas de preços

Comments
por imprensa 29/05/2015 11h56

Devido às ações de fiscalização do Conselho Regional de Administração do Paraná (CRA-PR), foram retificados dois editais de licitações para contratação de empresas para realização de concursos públicos. A Prefeitura Municipal de Castro e a Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar) incluíram nos editais das tomadas de preços nº 012/2015 e 002/2015, respectivamente, a exigência de registro das empresas e seus acervos técnicos no CRA-PR, considerando que a atividade se inclui no campo privativo de atuação de administrador.

De 20 de abril a 22 de maio foram realizadas 22 fiscalizações presenciais num total de 137 ações neste ano. Nesse período foram expedidos 120 ofícios, 12 intimações, 40 autos de infração, 22 registros de atestado, 15 certidões de Registro de Comprovação de Aptidão (RCA) e quatro certidões de acervo técnico.

Entre 5 e 14 de maio foram visitadas as empresas GCI Comércio de Sistemas e Serviços de Informática, Esitronic Comercio de Sistemas e Servicos de Informatica, Sistemax Comércio de Equipamentos e Processamento de Dados, Linhabase Soluções em Gestão de Projetos, Araucária Administradora de Consórcios, Giulian Mudanças e Transportes, Carfer Terceirização de Mão de Obra, M L Montenegro Limpeza e Conservação, Fullcopy Teleinformática, Angelo Bescz, Consaiart Cursos de Formação e Capacitação Profissional, Dinkhuysen Atividades de Prevenção e Instrução Profissional, Administradora Continental, J. Vieira Incorporações e Construções, DMV Consultoria de Marketing e Recursos Humanos, ALL - América Latina Logística, Syspub Consultoria, Planejamento e Informática, todas em Curitiba. Também foram visitadas as empresas RCA Serviços Temporários e TNT Mercúrio Cargas e Encomendas Expressas, em Pinhais e São José dos Pinhais, respectivamente. Do setor público foi fiscalizado o Núcleo do Ministério da Saúde do Paraná, em Curitiba.

 

Fonte: CRA-PR