Você está aqui: Página Inicial / Serviços / Notícias / [CFA] / XIV FIA – Para palestrante, a vida é inviável sem uma base ética

CFA

XIV FIA – Para palestrante, a vida é inviável sem uma base ética

Comments
por imprensa 20/05/2015 12h47

O último dia do XIV Fórum Internacional de Administração (FIA) começou produtivo. A segunda palestra da manhã de hoje, 20 de maio, trouxe um tema pertinente: “Valores éticos na organização – perplexidades, ambiguidades e desafios na definição dos valores dominantes em nossas instituições”. Proferida pelo historiador Leandro Karnal, a palestra foi mediada pelo Conselheiro Federal suplente, Adm. Wallace Vieira.

A palestra teve um tom descontraído, envolvendo o público presente. Começou com o conferencista fazendo uma comparação dos objetos que, décadas atrás, eram a sensação do momento como máquina de escrever e mimeógrafo. As mudanças, segundo, ele, têm ocorrido cada vez mais veloz e, o que era novo ontem, já está obsoleto hoje.

Em razão disso, a sociedade está individualista, centrada no consumismo que, para ele, “é definidor de identidades”. A sociedade, por meio das redes sociais, torna-se uma sociedade confessional.

Tais mudanças também têm causado uma reflexão no campo ético. O palestrante explica que ética é a parte racional da moral e, citando a ética aristotélica, disse que “ser ético é o caminho seguro para felicidade”. Karnal convida o público a repensar o núcleo familiar que, segundo ele, é o núcleo da ética é família. “A pessoa cobra ética dos governantes, mas consegue um atestado falso para o filho levar na escola. Estará criando uma pessoa que acreditará que a ética é aquilo que cobro dos outros, mas não de si mesmo”, questiona.

A subversão de valores éticos como meta de sucesso é outro ponto levantando na palestra. Steve Jobs e Eike Batista, por exemplo, são referências no mundo dos negócios. Entretanto, eles orgulham-se dos desvios éticos que cometeram para chegar aonde chegaram. “O pior desses casos é que as pessoas tentam imitá-los”, diz Karnal.

O palestrante cita outros casos e afirma a “vida sem ética dá mais trabalho, mentir dá trabalho.”. A princípio, a vida não ética é eficaz, mas é uma eficácia que dura pouco tempo. “Imagina: o esforço para trair é maior do que de produzir. O mal seduz pelo bem e, em algum momento essa falta de ética será descoberta”, defendeu completando que “a vida é inviável sem uma base ética.”.

Programação paralela

O XIV acontece no Vivo Rio, mas no Museu de Arte Moderna (MAM) também está sendo palco de painéis, debates e apresentação de casos de sucesso.

As apresentações dos painéis no MAM acontecem paralelamente à programação que ocorre no Vivo Rio.  Os painéis abordam debates de temas de grande relevância para a área administrativa e para sociedade como um todo.

Acompanhe a transmissão do XIV FIA pelos canais de comunicação CFA: CFATVRádio ADM. Visite o site www.fia2015.com.br e acompanhe a atualização da programação sobre oportunidades educacionais, atividades culturais e sociais, hospedagem, informações úteis e muito mais.

O XIV FIA também terá transmissão da TV CRA-RJ e da Rádio CRA-RJ. Mais informações no site http://www.cra-rj.adm.br/.